As associações Acreditar – Associação de Pais e Amigos de Crianças com Cancro, Alzheimer Portugal, BIPP – SEMEAR e CASA – Centro de Apoio ao Sem-Abrigo da Madeira, foram selecionadas pelos colaboradores do Associado Santander para receber o Donativo Participativo, criado para apoiar financeiramente projetos sociais ou ambientais.

 

Cada uma destas instituições irá receber 7.500€ para utilizar no âmbito da sua área de atuação. A Acreditar no acompanhamento de crianças com cancro e suas famílias, a Associação Alzheimer Portugal através do Projeto Café Memória, o BIPP através do programa SEMEAR e a CASA na sua delegação da Madeira.
 
A cerimónia decorreu na passada quinta-feira, no Centro Santander Totta, em Lisboa, e contou com a presença do Presidente Executivo do Banco Santander Totta, António Vieira Monteiro, e de vários representantes de IPSS e Associações portuguesas.
 
Esta é a 1ª edição do “Quem Faz Bem – Donativo Participativo” do Santander, que tem como finalidade reconhecer e apoiar financeiramente os projetos das IPSS, ONG, Fundações ou Associações, com ações desenvolvidas em Portugal nas áreas da educação, empreendedorismo e criação de emprego, bem-estar social e ambiente, que visem melhorar a qualidade de vida das pessoas.
 
Os projetos foram apresentados pelos colaboradores do Santander, que se tornaram nos “padrinhos ou madrinhas” dos mesmos, tendo sido recebidas 145 candidaturas de todo o país. Após análise e seleção das 15 iniciativas finalistas, procedeu-se a um sistema de votação online entre todos os colaborados do Banco, que elegeram então os quatro vencedores.
 
As finalistas Pão e Paz, Sociedade de S. Vicente de Paulo, Vila com Vida, Kairós, Associação Protetora dos Diabéticos em Portugal e SOS tiveram também menções honrosas e irão receber um prémio pecuniário de 3.000€ cada.
 
As 15 instituições recebem ainda um curso de empreendedorismo social no IES (Instituto de
Empreendedorismo Social) para duas pessoas.