O nosso associado Infraestruturas de Portugal associou-se mais uma vez ao Banco Alimentar (BA) Contra a Fome, participando na Campanha de recolha de alimentos que decorre habitualmente em Maio. Os colaboradores da IP com as suas famílias estiveram no dia 28 de Maio, na loja do Pingo Doce da Estação do Cais do Sodré, conseguindo angariar 323 kg de alimentos. No total de sábado a domingo (28 e 29 de Maio), na Estação do Cais do Sodré foram angariados 665 kg de alimentos.

 

 

Os Bancos Alimentares Contra a Fome recolheram em Portugal no total mais de 1.921 toneladas de produtos alimentares na Campanha realizada no passado fim-de-semana em cerca de 2.000 superfícies comerciais das zonas de Abrantes, Algarve, Aveiro, Beja, Braga, Castelo Branco, Coimbra, Cova da Beira, Évora, Leiria-Fátima, Lisboa, Oeste, Portalegre, Porto, Santarém, Setúbal, S. Miguel, Terceira, Viana do Castelo e Viseu.

 

A IP apoia permanentemente o BA, através da cedência de instalações em Lisboa, Caldas da Rainha, Évora e Covilhã.

 

A campanha, cujo lema foi “Partilhar sabe bem”, apelou à solidariedade, ao voluntariado e à união social, reforçando a importância do contributo e envolvimento de cada um, numa partilha com os que têm mais necessidades, retomando um dos valores do Banco Alimentar ao qual a IP se associa no âmbito da Responsabilidade Social da empresa.

 

 

Mais de 40 mil voluntários de todas as idades, unidos por uma causa, disponibilizaram algum do seu tempo durante o fim de semana para participar na campanha de recolha. Os géneros alimentares recolhidos irão ser distribuídos por um total de 2.360 Instituições de Solidariedade Social, a mais de 436 mil pessoas com carências alimentares comprovadas.

 

Um agradecimento especial a todos os colaboradores da IP e seus familiares que participaram nesta Campanha, pelo seu empenho e dedicação.

 

Até 5 de junho haverá ainda a possibilidade de contribuir para os Bancos Alimentares Contra a Fome on line, no site www.alimentestaideia.net, a plataforma de recolha de alimentos na Internet e através da campanha "Ajuda Vale".