Por uma sociedade mais justa, coesa e solidária.

O Prémio Manuel António da Mota foi criado em 2010 pela Fundação Manuel António da Mota com o objectivo de reconhecer anualmente organizações e personalidades que se destaquem nos vários domínios de actividade da Fundação.

Nas edições anteriores o Prémio Manuel António da Mota distinguiu instituições que se destacaram nos domínios da luta contra a pobreza e exclusão social (2010), promoção do voluntariado (2011), promoção do envelhecimento activo e solidariedade entre gerações (2012), promoção da cidadania europeia e da concretização dos objectivos nacionais inscritos na estratégia Europa 2020 (2013), naqueles que foram os Anos Europeus dedicados a estes temas, tendo distinguido em 2014 as instituições que actuam no domínio da valorização, defesa e apoio à família nas mais variadas áreas, por ocasião do 20º aniversário do Ano Internacional da Família, e em 2015 as instituições socialmente inovadoras nas respostas aos problemas sociais.

Em 2016 e naquela que é a sua 7ª Edição, o “Prémio Manuel António da Mota” irá consagrar instituições que se distingam na apresentação de projectos nos domínios da educação, emprego e combate à pobreza e à exclusão social e contribuam assim para o desenvolvimento sustentável do país e a construção de uma sociedade mais justa, coesa e solidária.

Podem candidatar-se ao Prémio pessoas coletivas de direito privado sem fins lucrativos (IPSSs, Fundações, Associações, Cooperativas, ONGs) e outras entidades do sector da economia social, com sede e actividade em território nacional. Pelo sétimo ano consecutivo, a Fundação Manuel António da Mota, promotora do Prémio, renovou com a TSF – Rádio Notícias uma parceria de comunicação para a divulgação do Prémio na antena da rádio e das iniciativas a ele associadas.

Toda a informação poderá ser consultada em www.fmam.pt.

Ajude-nos a divulgar o Prémio e concorra por uma sociedade mais justa, coesa e solidária 

Aceder à candidatura ao prémio aqui.