De acordo com o World Travel & Tourism Council (WTTC), em 2016, transportes e turismo eram responsáveis por 905 mil empregos. Para 2017, este organismo antevia que o número de pessoas empregadas nesta área aumentasse 3% e que a indústria suportasse 932 mil empregos, repartidos entre agências de viagens, hotéis, empresas de transporte (exceto transporte pendular), companhias aéreas e negócios de lazer e entretenimento para turistas.

 

Segundo a Secretaria de Estado do Turismo, este ano, Portugal deverá receber, pelo menos, 22 milhões de turistas, e o Relatório do Fórum Económico Mundial, divulgado no primeiro semestre deste ano, revelava que Portugal está entre os 15 melhores países para investir no Turismo.

 

O Turismo é um setor com relevância no universo de associados do GRACE e basta uma observação descomprometida das notícias para perceber que Portugal está em alta, com a atribuição sucessiva de diversos prémios e distinções.

Em 2014, o GRACE escolheu o Turismo como a primeira publicação de Fichas Setoriais: “Desafios e Oportunidades da Responsabilidade Social” - notícia disponível aqui.  

Acompanhando o crescimento do setor neste últimos 3 anos, e em Ano Internacional dedicado ao Turismo Sustentável para o Desenvolvimento, procedemos à revisão e atualização desta Ficha Setorial, integrando alguns inputs dos associados que participaram na mesma, bem como a inclusão de novos casos práticos.

Esta segunda edição, revista e atualizada, está disponível para todos os Associados na Área Associado.

 

Hoje lançamos também uma edição especial da Newsletter dedicada ao tema do Turismo Sustentável, que se encontrará disponível aqui.