Guia Responsabilidade Social Interna nas Empresas (2018)

Guia Responsabilidade Social Interna nas Empresas (2018)

Resultado de um ano e meio de reflexão de 35 empresas Associadas do GRACE, este Guia aborda uma temática fulcral para todo o tecido empresarial: o seu ativo humano. Num momento em que felicidade organizacional, captação e retenção de talento, multigeracionalidade, robotização, entre outros temas, estão na ordem do dia, mais do que nunca as empresas têm de se consciencializar da importância de adotarem medidas que mantenham os seus colaboradores felizes, motivados e empenhados, e de quanto a obtenção de sucesso nesta frente constitui um ativo essencial à sustentabilidade das empresas.

...

Os conteúdos são exclusivos a Associados GRACE.

Ficha Setorial da Responsabilidade Social nas Entidades Públicas (2018)

Ficha Setorial da Responsabilidade Social nas Entidades Públicas (2018)

Tema inicialmente reservado às empresas, faz hoje sentido proceder à expansão do conceito para outros domínios, tais como a economia social e, em especial, a administração pública, responsável pelo enquadramento e fiscalização da atividade económica e cada vez mais interventiva em matéria de verificação da Responsabilidade Social do setor privado. A proliferação de normativos destinados a regular a conduta, o reporte e a atuação socialmente responsável das empresas é bem o sinal de que o setor público reconhece a relevância do tema para a coesão social e para o desenvolvimento. Esta publicação foi elaborada em conjunto por empresas e organismos públicos e que pretende ser uma iniciação a uma área de atuação ainda embrionária entre nós.

...

Os conteúdos são exclusivos a Associados GRACE.

Testemunhos para o futuro (2017)

Testemunhos para o futuro (2017)

Esta Revista reúne as visões sobre Responsabilidade Social de 9 personalidades emblemáticas da sociedade portuguesa.

...

Os conteúdos são exclusivos a Associados GRACE.

Guia do Voluntariado Corporativo em Instituições de Economia Social (CPV-GRACE, 2016)

Guia do Voluntariado Corporativo em Instituições de Economia Social (CPV-GRACE, 2016)

No âmbito da parceria entre a CPV (Confederação Portuguesa do Voluntariado) e o GRACE, este guia visa facilitar e tornar mais eficaz a realização de voluntariado corporativo no contexto de instituições de economia social. Constitui uma narrativa para aumentar e melhorar a aproximação entre instituições de economia social e empresas, desde o estabelecimento do primeiro contacto, à preparação e realização de ações de voluntariado corporativo, com o intuito de focar e otimizar a atuação de ambos os lados. Pretende assim disponibilizar orientações para que instituições de economia social e empresas se possam aproximar assertivamente, compreender e respeitar as suas diferenças no que diz respeito a linguagens, timings e estruturas de governação.

...

Os conteúdos são exclusivos a Associados GRACE.

Ficha Setorial Os desafios e Oportunidades da RSC nas Sociedades de Advogados (2016)

Ficha Setorial Os desafios e Oportunidades da RSC nas Sociedades de Advogados (2016)

As exigências de uma sociedade em constante mudança e as diversas crises, ambientais, políticas, sociais e humanitárias que hoje enfrentamos, independentemente das suas origens internas ou externas, naturais, bélicas ou económico-financeiras, têm exigido das Sociedades de Advogados uma profunda reflexão sobre o papel que estas podem e devem assumir na defesa de grupos mais vulneráveis, na promoção de uma justiça mais equitativa e universal e no desenvolvimento de ações com impacto positivo na Comunidade. Esta reflexão tem-se traduzido em iniciativas com estruturação diversa, no âmbito da responsabilidade social de cada Sociedade de Advogados. Tendo presentes os desafios e oportunidades colocados a este setor, o GRACE constituiu um grupo de trabalho, com o primeiro objetivo de identificar os principais desafios que a RSC coloca a este setor, bem como as oportunidades que poderão e deverão ser aproveitadas pelas Sociedades de Advogados.

...

Os conteúdos são exclusivos a Associados GRACE.

Ficha Setorial Os desafios e Oportunidades da RSC nas Instituições Financeiras (2016)

Ficha Setorial Os desafios e Oportunidades da RSC nas Instituições Financeiras (2016)

Pensar em instituições financeiras é pensar, de forma natural e intuitiva, no seu fim primário: criação de valor económico e financeiro. Atendendo a que o impacto da atividade das instituições financeiras na sociedade extravasa o seu universo direto de colaboradores, clientes e parceiros, uma estratégia de negócio sustentável deverá encontrar-se igualmente aliada a uma intervenção responsável para com a sociedade. A pressão imprimida nas instituições financeiras para a obtenção de resultados e a agressividade concorrencial verificada nos últimos anos resultaram na aplicação de comportamentos por vezes dissonantes das práticas de responsabilidade social corporativa, situação que abalou a imagem que a sociedade tem do setor. O grupo de trabalho, composto por 6 entidades financeiras do setor efetuou uma análise introspetiva sobre o setor, à luz do seu desempenho social, por forma a identificar os principais desafios e oportunidades que se lhe colocam.

...

Os conteúdos são exclusivos a Associados GRACE.

Como investir na Comunidade? (GRACE, 2016)

Como investir na Comunidade? (GRACE, 2016)

O módulo formativo e manual “Como investir na Comunidade?”, pretende ajudar as empresas e os seus gestores a escolher melhor as organizações de economia social com quem pretendem criar uma relação duradoura e a implementar projetos de sucesso. Pretendemos contribuir para evoluir de uma perspetiva filantrópica para uma perspetiva de investimento social, que promova a medição do impacto, que garanta perenidade às relações entre estes dois setores e que permita às empresas serem agentes de desenvolvimento ao atuarem com as comunidades locais. Caso tenha interesse em saber mais sobre este projeto, entre em contacto connosco.

...

Os conteúdos são exclusivos a Associados GRACE.

Ficha Setorial Os desafios e Oportunidades da RSC nos Transportes Rodoviários de Mercadorias e Passageiros (2016)

Ficha Setorial Os desafios e Oportunidades da RSC nos Transportes Rodoviários de Mercadorias e Passageiros (2016)

Com vista a refletir sobre os desafios e as oportunidades da RSC no setor dos transportes, o GRACE constituiu um grupo de trabalho que contou com a participação de várias empresas do ramo. O resultado desta reflexão apresenta como conclusões três desafios para o setor no âmbito das condições de trabalho dos colaboradores, dos níveis de serviço e expectativa do cliente e de resposta do mercado, e de dumping de preços. São ainda identificadas três oportunidades a explorar na área da responsabilidade social corporativa dos transportes, abordando a criação e consolidação de reputação, a responsabilidade social Interna e a segurança, e redução da pegada ecológica.

...

Os conteúdos são exclusivos a Associados GRACE.

Como mobilizar as empresas para projetos sociais? (2014)

Como mobilizar as empresas para projetos sociais? (2014)

O GRACE desenvolveu a partir de 2008 uma parceria com o Programa K’CIDADE (da Fundação Aga Khan), com o intuito de contribuir para a capacitação da sociedade civil. Da relação entre os parceiros e do contacto que se estabeleceu entre representantes de empresas e dirigentes associativos surgiram naturalmente muitas questões sobre o envolvimento do tecido empresarial na ação social, bem como o contrário. Neste sentido tornou-se evidente a necessidade de criar um ponto de encontro entre as empresas e as associações para que pudessem ser discutidas as questões basilares desta relação, muitas vezes frágil e de difícil compreensão por ambas as partes. Foi daqui que nasceu a ideia de desenvolver a ação de formação “Como mobilizar as empresas para projetos sociais?”. Caso tenha interesse em saber mais sobre este projeto, entre em contacto connosco.

...

Os conteúdos são exclusivos a Associados GRACE.

Guia Responsabilidade Social nas PME (2014)

Guia Responsabilidade Social nas PME (2014)

Este Guia propõe-se a acompanhar os dirigentes das PME na definição do seu posicionamento e das áreas de atuação em matéria de responsabilidade social, com o intuito de potenciar os seus fatores diferenciadores e as vantagens competitivas para o seu negócio. É dirigido a Pequenas e Médias Empresas que pretendam a) dar os primeiros passos em matéria de responsabilidade social empresarial e integrar na sua atividade e no seu esforço de obtenção de lucro, preocupações sociais e ambientais, b) (re) organizar as suas práticas de responsabilidade social; c) explorar ferramentas que permitam a otimização da sua atuação em responsabilidade social, nomeadamente no que diz respeito à organização e estruturação das suas práticas, de forma integrada com o negócio.

...

Os conteúdos são exclusivos a Associados GRACE.

Guia do Voluntário – Voluntariado no contexto da atividade corporativa (2014)

Guia do Voluntário – Voluntariado no contexto da atividade corporativa (2014)

Trata-se de uma publicação, em formato ebook, a ser personalizada pela empresa, com informação destinada aos seus colaboradores, que tem como objetivo facultar informação detalhada sobre o que se espera de um voluntário corporativo, quais os seus direitos e deveres. O guia pretende igualmente sensibilizar os colaboradores para o tema do Voluntariado Corporativo e servir de base a briefings de ações de voluntariado específicas da Empresa.

...

Os conteúdos são exclusivos a Associados GRACE.

Ficha Setorial Os desafios e Oportunidades da RSC no Turismo (2014)

Ficha Setorial Os desafios e Oportunidades da RSC no Turismo (2014)

O setor do turismo é cada vez mais estratégico para a economia, para o emprego, para o ambiente e para a sociedade. Nesse sentido, o GRACE constituiu um Grupo de Trabalho que contou com a participação de empresas associadas e organizações do ramo da hotelaria, no qual foram identificados riscos e oportunidades, bem como respetivas abordagens e casos de estudo.

...

Os conteúdos são exclusivos a Associados GRACE.

Estudo Olhar para o Futuro – Uma nova reflexão sobre responsabilidade social corporativa (2013)

Estudo Olhar para o Futuro – Uma nova reflexão sobre responsabilidade social corporativa (2013)

Uma equipa de excelência constituída por 4 prestigiadas consultoras (Accenture, Heidrick & Struggles, KPMG e PwC) e a AESE – Escola de Direcção e Negócios analisou diversos relatórios de entidades especialistas na matéria e de casos práticos de sucesso no nosso país, cujo resultado culmina nesta edição. Este relatório conclusivo posiciona-se como ferramenta para o universo organizacional português, sempre que associem visão à capacidade de implementar uma política de responsabilidade social corporativa.

...

Os conteúdos são exclusivos a Associados GRACE.

Guia para a Promoção do Envelhecimento Ativo e da Solidariedade entre Gerações no Contexto Empresarial (2013)

Guia para a Promoção do Envelhecimento Ativo e da Solidariedade entre Gerações no Contexto Empresarial (2013)

O envelhecimento e o seu impacto ao nível social e económico tornaram-se dos mais importantes desafios do século XXI, exigindo uma atuação concertada de todos os setores, de forma a garantir a sustentabilidade dos sistemas de proteção social e, principalmente, de modo a salvaguardar a dignidade nas fases mais tardias da vida. O papel das empresas na sustentabilidade das comunidades onde se inserem é incontornável, bem como a sua importância como parceiros do Estado na criação de respostas e na alavancagem das estruturas de economia social.

...

Os conteúdos são exclusivos a Associados GRACE.

Aprender a Crescer – Voluntariado contado às crianças (2012)

Aprender a Crescer – Voluntariado contado às crianças (2012)

Acreditando que o voluntariado pode constituir a ponte ideal entre diversas gerações que têm em comum o empenho em evoluir a uma sociedade mais equitativa”, o GRACE desafiou os colaboradores das empresas associadas a darem o seu testemunho ou a contarem uma pequena história com o intuito de sensibilizar as crianças com idades entre os 6 e os 10 anos para a temática do voluntariado. O livro tem duas capas invertidas. De um lado, as histórias de colaboradores que contam o voluntariado às crianças, e do outro, as histórias das crianças de instituições sociais com que o GRACE trabalha e que contam a sua própria visão do voluntariado.

...

Os conteúdos são exclusivos a Associados GRACE.

Primeiros Passos – Guia Prático para a Responsabilidade Social das Empresas (2004, 2ª edição 2011)

Primeiros Passos – Guia Prático para a Responsabilidade Social das Empresas (2004, 2ª edição 2011)

Este guia pretende ser uma ferramenta para as empresas que procuram formas de integrar a responsabilidade social na cultura das suas empresas e das empresas onde trabalham. Deve ser entendido como uma fonte de ideias e não como um recurso definitivo para a empresa que se considera socialmente responsável ou pretende evoluir nesse sentido. Neste guia, encontrará uma extensa linha de programas, políticas e ideias sobre o processo de formação de uma empresa estrutura e respeitada pelos seus valores sociais, além de ações que têm por objetivo criar e proporcionar um ambiente de trabalho produtivo e participativo.

...

Os conteúdos são exclusivos a Associados GRACE.

Junte-Se A Nós

Se quer colaborar com um conjunto de empresas comprometidas em integrar, inovar e inspirar práticas socialmente responsáveis.

O GRACE dá-lhe o acesso ao conhecimento, à experiência e a uma rede de contactos que lhe serão úteis para desenvolver a Responsabilidade Social Corporativa na sua organização.